Livros digitais interativos: o que são e como podem ajudar nos estudos?

O livro como ferramenta didática pedagógica

No Brasil, as primeiras ideias sobre o livro didático surgiu em 1929, com a criação do Instituto Nacional do Livro – INL, com o objetivo de legitimar o livro didático nacional e auxiliar na sua produção. Mas tudo isso ficou no papel por muito tempo, foi apenas em 1934.  Com a LDB de 1996 e os PCNs de 1998 os livros assumem uma sequência didática padrão.  Com a BNCC as sequências didáticas passam por uma nova reformulação e procura atender às novas demandas metodológicas e digitais.

E qual é a sua finalidade?

  • Auxiliar o Docente no Planejamento;
  •  Orientar e direcionar as atividades dos alunos, a partir do plano do professor;
  •  Auxiliar os alunos no processo de apropriação da informação, pesquisa, execução das atividades e fixação do conteúdo;
  • Possibilitar a interação entre alunos e professores e, a partir dessa, oportunizar espaços de diálogo para a construção do conhecimento.

Avanço da tecnologia

Com a transformação da tecnologia no dia a dia e na nossa sociedade, nunca estivemos tão conectados virtualmente como agora. Esse movimento, porém, requer mudanças em nosso sistema educacional e uma delas está nos livros digitais interativos, ferramentas que otimizam a leitura e promovem interação entre o aluno e o professor.

Hoje, já estamos na era dos livros digitais interativos da 4ª geração, que funcionam em tablets, computadores, dispositivos para leitura e até em smartphones. Esse é um recurso que acompanha as mudanças tecnológicas. Portanto, os benefícios estão em constante atualização. Vamos entender melhor sobre esse novo modelo de livro? Continue a leitura!

O que são livros digitais interativos?

Conhecemos muito bem o formato impresso dos livros, pois, por muito tempo, desde o século XV, com a criação da imprensa, foram somente eles que nos acompanharam. Hoje, com os avanços tecnológicos, ganhamos um novo formato de leitura — como dito, os livros digitais.

Eles são disponibilizados em formatos diferentes para todos os tipos de dispositivos eletrônicos. Alguns são mais comuns, como PDF, ePUB ou Mobi. O que os diferenciam são os acessórios disponíveis durante a leitura, por exemplo: os modelos ePUB ou Mobi podem ser adequados às preferências do leitor, sendo possível aumentar ou diminuir a fonte. Eles também se adaptam ao tamanho da tela do dispositivo. Já com o formato PDF, isso não acontece.

A interação proposta pelos livros digitais interativos acontece  entre o aluno e o professor. As ferramentas disponíveis possibilitam destacar trechos, buscar termos e fazer anotações para consultá-las posteriormente. Além disso, eles trazem os objetivos educacionais do professor inseridos nas páginas.

Como eles se diferenciam em uma dinâmica escolar?

A utilização desse recurso nas escolas pode facilitar a aprendizagem e o interesse dos alunos, pois os livros digitais se diferenciam por:

  • serem dinâmicos, interativos e personalizados, com interface digital semelhante à página impressa; 
  • terem um menu que facilita não apenas a localização direta dos capítulos, mas que identifica os objetos digitais e as interações entre professores e alunos;
  • permitirem que o aluno faça as atividades diretamente na interface;
  • permitirem ao professor acompanhar o desenvolvimento do discente, gerando relatórios de acesso para a avaliação das atividades;
  • permitirem que o usuário insira anotações, links e marcações e interaja com outras pessoas (professores ou alunos da classe);
  • promoverem uma maior flexibilidade de acesso por meio de um aplicativo off-line, com um layout responsivo para diferentes tamanhos de tela;
  • permitirem ao professor mediar e controlar as interações, o que gera um ambiente seguro de navegação e aprendizagem.

Para quais finalidades podemos utilizá-los?

No processo pedagógico, a utilização dos livros digitais interativos pode: 

  • orientar e direcionar as atividades dos alunos a partir do plano do professor;
  • auxiliar os alunos na apropriação da informação, da pesquisa, da execução das atividades e da fixação do conteúdo;
  • possibilitar a interação entre alunos e professores e oportunizar espaços de diálogos para a construção de conhecimento.

Quais são os benefícios que eles oferecem?

A utilização dessa ferramenta proporciona aos alunos e aos professores inúmeros benefícios. A seguir, listamos alguns. Veja!

Disponibilidade de uma “biblioteca no bolso”

A capacidade de armazenamento dos dispositivos faz com que tenhamos diversos tipos de livros e publicações em um único aparelho, facilitando o transporte e a otimização de tempo para as leituras, já que é viável adquiri-los com apenas alguns cliques.

Maior adaptação

Os ajustes disponíveis pelas ferramentas de leitura permitem que o conteúdo seja adaptado para a sua maior comodidade. Por exemplo, caso haja alguma dificuldade de visão, o tamanho da fonte do texto pode ser alterado.

Otimização da navegação

Com os livros digitais, é possível encontrar trechos e capítulos rapidamente por meio da ferramenta de pesquisa por palavras. Também podemos usar os recursos de marcadores de textos, destacando as partes desejadas do arquivo.

Mais economia

Atualmente, é possível adquirir os livros digitais por preços mais acessíveis do que o livro físico. Também podemos levar em consideração o impacto ecológico no meio ambiente que a prática de consumo consciente pode oferecer.

Disponibilidade de um dicionário sempre à mão

A leitura digital, independentemente da plataforma utilizada, oferece uma maior agilidade na busca por palavras, sejam elas estrangeiras, sejam elas do idioma materno. Isso estimula e facilita o processo de leitura.

Possibilidade de responder às questões no livro e encaminhá-las ao professor

Os livros interativos utilizados em instituições de ensino acabam estreitando o tempo de resposta das atividades escolares. Dessa forma, eles permitem uma maior organização nos estudos.

 Possibilidade de utilizar um livro personalizado pela equipe docente da escola

A equipe pedagógica, junto aos professores, pode adaptar o conteúdo do livro didático aos planos de aulas. Dessa maneira, é viável desenvolver a dinâmica necessária para uma didática mais efetiva e transformadora.

O Colégio Franco-Brasileiro tem por objetivo a excelência no ensino e vem investindo em tecnologias e melhorias pedagógicas para potencializar os estudos dos alunos. Temos mais de 100 anos de experiência na área educacional. Os nossos pilares são pautados no desenvolvimento da empatia, do respeito e da criatividade das crianças e dos adolescentes.

Buscamos a inovação constante em elementos didáticos, por isso, já utilizamos os livros digitais interativos nas turmas do 9º ano à 2ª série do Ensino Médio do Colégio. A tecnologia e os estudos em adaptações e melhorias na educação avançam, e nós os acompanhamos, priorizando uma cidadania global e uma educação socioemocional, que são as bases de nossa tradição.

Portanto, os livros digitais interativos são uma realidade escolar e fazem parte do movimento tecnológico pelo qual a sociedade está passando. É comum sentirmos nostalgia em relação aos livros impressos, afinal, eles nos acompanham há muito tempo. No entanto, a chegada de outro modelo não significa o abandono do papel, e, sim, que precisamos nos adaptar ao novo para nos mantermos atualizados e integrantes do nosso tempo presente.

Podemos, desse modo, equilibrar essas duas possibilidades de leituras, pois ambas funcionam como fontes extremamente enriquecedoras de conhecimento.

Gostou deste conteúdo? Acesse, então, a nossa página sobre livros digitais interativos e fique por dentro de mais informações como essas.

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.