Estudo em casa: 7 dicas para criar o ambiente ideal para seu filho

A pandemia ajudou a evidenciar uma atividade importante na rotina das famílias: o estudo em casa. Não que antes as crianças e jovens não tivessem que lidar com essa tarefa, porém, pode ser que ela passasse um pouco mais despercebida do que agora, depois de um período de quarentena e com a suspensão das aulas presenciais.

A verdade é que poder estudar em casa é um privilégio e tem vários benefícios, assim como também envolve muitos desafios. Manter o foco e a produtividade está entre eles, certo?

Um dos fatores de maior influência nesse contexto é ter um ambiente apropriado. Vamos falar mais sobre isso? Confira nossas dicas!

1. Reserve um local adequado

Não é necessário ter uma sala de estudos ou um escritório equipado para estudar em casa. A questão é que ter um espaço organizado é muito importante, seja ele qual for — desde um lugar improvisado na mesa de jantar até uma escrivaninha no quarto ou mesmo um lindo ambiente próprio para os estudos.

Um dos principais detalhes é poder contar com uma mesa e cadeira confortáveis, em vez de acabar levando os livros para o sofá ou ficando com o computador no colo em cima da cama. Sentar com a postura correta e em um local adequado é essencial.

Outro ponto que deve ser observado é o barulho. Quanto mais silencioso e tranquilo for o ambiente, mais fácil vem a concentração. O contrário acontece com a bagunça, que dificulta o foco do estudante.

2. Atente à iluminação e temperatura

Uma boa iluminação garante visão clara, além de evitar dores de cabeça e outros desconfortos. Nesse caso, a dica é tentar priorizar a luz natural do dia, posicionando a estação de estudo próximo a uma janela, por exemplo. Durante a noite, não pode faltar uma luminária por perto para não ficar forçando a visão.

Você também já pensou em como a temperatura é importante? Frio ou calor demais atrapalham o nosso desempenho não só nos estudos, mas em outras atividades comuns do dia a dia.

Mais uma vez, a proximidade da janela deve favorecer a circulação de ar no ambiente e deixar tudo mais agradável. Em dias mais extremos, um agasalho e um bom ventilador ajudam na missão!

3. Deixe o ambiente sem distrações

Normalmente pensamos nas distrações relacionadas a brinquedos e dispositivos eletrônicos, certo? De fato, estudar na frente da TV ou com o celular na mão não vai ser muito produtivo.

Da mesma forma, a tentação de ter os brinquedos por perto é capaz de desviar a atenção durante o horário de estudo. Jovens e adolescentes costumam ter mais disciplina para estudar, sabendo que é preciso cumprir as tarefas e deixar a diversão para depois.

Enquanto isso, para as crianças, pode ser mais difícil desligar de tudo o que está ao seu redor para focar nos estudos. Por isso, guardar os brinquedos e deixar apenas os materiais escolares por perto é a melhor tática.

Outro tipo de distração são as próprias pessoas, especialmente aquelas que convivem na mesma casa. O ideal é tentar deixar quem está estudando mais isolado e longe das conversas ou interferências. O silêncio é um grande aliado da produtividade!

4. Aposte em uma boa limpeza e organização

Ter um bom espaço de estudo também envolve cuidados básicos de higiene e organização. Não adianta preparar todo um cenário e não se preocupar com a manutenção dele, não é mesmo?

Aliás, falar disso é zelar pela saúde do seu filho e de todos em casa. O acúmulo de poeira e vários microrganismos não vai fazer bem a médio ou longo prazo, sem falar que sujeira e bagunça deixam o ambiente desagradável.

É importante que a criança ou o jovem tenha a consciência de cuidar desse aspecto, evitando que a desordem seja algo comum no dia a dia. Ao sentar-se na mesa para estudar, sua atenção deve ser toda direcionada para o que realmente interessa, sem perder tempo procurando materiais ou arrumando a confusão.

5. Coloque um mural para anotações

Lembretes e anotações fazem parte da rotina de estudos. Logo, nada melhor do que decorar o espaço com acessórios úteis e que vão facilitar as atividades cotidianas. Ter um mural para deixar os recadinhos é uma ótima ideia!

Os pais podem escrever bilhetes para os filhos de compromissos que eles não podem esquecer, mas é claro que os próprios estudantes devem aproveitar para anotar tudo aquilo que acharem necessário — como datas importantes, dicas, fórmulas, coisas para fazer etc. Uma dica bem legal é colocar frases motivacionais para ficar na lembrança.

6. Invista em móveis adequados

Conforto não necessariamente está relacionado com luxo, mas não há dúvidas de que deve ser uma prioridade para ter uma boa performance nos estudos ou no trabalho. Móveis que proporcionem comodidade fazem parte do “pacote bem-estar”, que não deixa de ser uma motivação para o rendimento pessoal.

Como dissemos, o básico é ter uma cadeira confortável e uma mesa que ofereça segurança. Todo o resto pode ser adicionado como extra na tentativa de criar um espaço prazeroso para passar algumas horas do dia.

7. Disponibilize o material de estudos

Outra coisa que não pode faltar é o material, concorda? Ter uma fonte de conhecimento acessível é fundamental, e os pais devem assegurar que seus filhos tenham em mãos tudo o que precisam para estudar.

Por muito tempo, os livros e apostilas foram os principais companheiros dos estudantes. Agora, a tecnologia tem oferecido soluções muito práticas, que são cada vez mais utilizadas pelas instituições de ensino. O detalhe aqui é trabalhar o bom senso no uso dos computadores, celulares, tablets etc. É importante saber lidar com as distrações que ficam dentro das telas e a um clique de distância.

O estudo em casa tem muitas vantagens e uma delas é a autonomia. Cada um pode estabelecer sua rotina e não há tanta supervisão como normalmente acontece em sala de aula. Por outro lado, a dedicação e a disciplina devem ser muito presentes todos os dias. Com um ambiente bacana, isso com certeza fica mais fácil!

Gostou das dicas? Se acha que elas são úteis e podem ajudar outras pessoas, compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais! Que tal?

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.