9 benefícios da música na escola para o processo de ensino e aprendizagem

Desde muito pequenos, temos contato com melodias. Sabe aquelas canções para ninar ou que acalmam o bebê? Pois é, elas fazem parte das nossas experiências de vida, sendo uma contribuição importante para a nossa formação. Ainda na infância, também descobrimos as cantigas e as brincadeiras de roda. Portanto, elas nos acompanham em cada etapa do nosso crescimento. No entanto, quais são os benefícios da música na escola?

Segundo a Lei nº 11.769 de 2008, o ensino de música é obrigatório na Educação Básica. Ela não aparece como uma disciplina exclusiva, mas, sim, como uma linguagem de aprendizado inclusa nas propostas político-pedagógicas.

Estimular a sensibilidade musical contribui para o desenvolvimento cognitivo, social e motor, além de fazer muito bem à nossa saúde emocional. A música é uma linguagem universal e parte da cultura humana, portanto, é muito importante incluí-la no processo de aprendizado da criança.

Pensando nisso, elaboramos este artigo para mostrar alguns benefícios que ela traz ao ambiente escolar. Continue a leitura!

Qual é a importância de procurar uma escola com música no currículo?

A música gera um impacto no indivíduo como um todo, pois tem uma racionalidade coerente. Essa lógica é percebida pelas crianças com mais facilidade, fazendo com que elas associem determinadas situações ao sentido musical.

As aulas de musicalização contribuem para o desenvolvimento da sensibilidade, da expressividade e do ritmo. Elas também melhoram a motricidade fina — habilidade de movimentos com os braços, mãos e dedos com maior pressão.

A prática musical ainda beneficia a sensibilidade dos ouvidos. Por meio dela, é possível notar uma maior apuração dos detalhes dos sons. A audição se aprimora para um universo sonoro mais requintado.

Ensinar música é um processo rigoroso, porém os resultados são libertadores. A criança passa a ter um recurso a mais para resolver problemas e questões práticas da vida com mais facilidade. Além disso, o seu estudo favorece a concentração, algo que precisa ser muito bem trabalhado nos dias atuais, já que vivemos em um mundo cheio de distrações.

Quais são os benefícios da música na escola?

A inclusão das aulas de musicalização no currículo da instituição faz com que a criança tenha contato com essa prática semanalmente. Pensando em todos os benefícios que isso traz para a formação do indivíduo, explicaremos alguns deles a seguir.

1. Melhora da criatividade

Os diferentes tipos de sons permitem que as crianças combinem instrumentos, formando melodias. Além disso, as técnicas aprendidas podem ser aprimoradas, possibilitando que elas desenvolvam habilidades de criação musical próprias.

A criatividade pode ir para além das aulas musicais, já que essa atividade está ligada ao lado artístico do nosso cérebro. O aprimoramento desse lado pode abrir portas para outras áreas, como a pintura, a ilustração etc.

2. Aumento da percepção rítmica e corporal

A musicalização envolve um trabalho corporal mais rítmico, o que permite o desenvolvimento das habilidades ligadas à inteligência espacial e temporal do ser humano. Por meio do ritmo, o corpo é movimentado, estimulando a coordenação motora e a psicomotricidade.

3. Desenvolvimento cognitivo

Os processos cognitivos básicos são a percepção, a atenção e a memória. Já os processos cognitivos superiores são a linguagem, a inteligência, a tomada de decisão, o raciocínio etc. O aprendizado musical exige todas essas habilidades, portanto, quanto mais cedo a criança é estimulada, melhor a sua capacidade cognitiva é desenvolvida.

4. Desenvolvimento motor

O desenvolvimento motor está relacionado à motricidade fina — movimentos de utilizar os braços, as mãos e os dedos com maior precisão —, e à motricidade grossa, que envolve o controle do corpo, como postura, equilíbrio, deslocamentos e balanços.

A música pede um controle motor bem refinado. O trabalho a ser desenvolvido permite a coordenação dos movimentos durante a utilização dos instrumentos e o acompanhamento dos ritmos.

5. Desenvolvimento social

Os estudos musicais permitem criar vínculos com outras pessoas, já que as melodias são elaboradas, muitas vezes, em grupos. Isso amplia as possibilidades de relações interpessoais dos indivíduos. A criança aprende como trabalhar em equipe e, também, determinadas virtudes, como a empatia e o respeito.

Além disso, algumas barreiras, como a timidez e a insegurança, são possivelmente quebradas, já que apresentações em público são estimuladas pelas escolas, fazendo com que as crianças naturalizem a exposição.

6. Auxílio no desempenho escolar

Quando a música é trabalhada desde a infância, o nível de déficit de atenção é diminuído, pois ela estimula regiões cerebrais essenciais para o aprendizado que envolve matérias escolares. Ela também é muito utilizada no processo de alfabetização, pois as canções infantis tendem a repetir palavras, facilitando a memorização e a associação, elementos importantes para “amarrar” o som às palavras escritas.

7. Aprimoramento da linguagem oral

O canto desenvolve a linguagem oral por meio dos sons e dos ritmos musicais, pois as crianças aprendem a verbalizar e a interagir de maneira mais clara. Além disso, as músicas oferecem palavras novas, aumentando o vocabulário e aperfeiçoando a comunicação.

8. Manifestação cultural

A música expressa emoções e sentimentos de diferentes formas, por isso, ela está presente em todas as culturas e países, marcando e identificando os diferentes grupos sociais e culturais. A educação musical amplia os horizontes das crianças, e isso desenvolve o respeito ao próximo e o entendimento da diversidade humana.

9. Desenvolvimento de preferências pessoais

As preferências pessoais estão muito ligadas à construção do caráter individual. As habilidades que esse aprendizado desenvolve permitem que as crianças sejam mais autônomas em suas preferências. Isso, em longo prazo, facilita a identificação de gostos pessoais, transformando-as em adultos mais autênticos.

Diante de tantos benefícios que a música traz para o ser humano, a busca de uma instituição que tenha em seu currículo uma disciplina voltada para esse tipo de aprendizagem é essencial, pois veremos a formação de um adulto mais confiante, autônomo e, possivelmente, mais capaz de lidar com as diferenças sociais e as adversidades da vida.

Dessa forma, os benefícios da música na escola promovem o desenvolvimento das crianças em diversas áreas importantes para a formação de um indivíduo social. Portanto, a inclusão de uma disciplina voltada para o aprendizado musical deve ser incentivada e adotada pelas unidades educacionais em razão das melhorias que todo esse estímulo realizado desde a infância pode gerar no futuro.

Gostou deste conteúdo? Conseguiu compreender que o aprendizado musical é importante para o desenvolvimento do seu filho? Deixe nos comentários a sua opinião sobre esse assunto!

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.